23 de setembro de 2008

Kamina Gente (A Minha Gente)

KAMINA GENTE (A Minha Gente) Acácias floridas Pelas avenidas Cheiro a manga E a caril no bazar As muitas idas e vindas De mofanas e tombazanas A bailar, marrabentas E batuques. O caju na panela a torra Sob os risos das mamanas Ameijoé aos gritos Peixe seco na venda So o calor do sol A queimar E sentados sobre as esteiras Enrolando um naco de suruma Cocuanas perdem-se no tempo